Ofensivo? Vídeo da marca de cuecas gay Andrew Christian é banido do You Tube; assista
Por Fabio Angeli em 10/02/2012 às 12h19

A marca de cuecas e sungas norte-americana Andrew Christian, que é voltada para o público gay, teve o vídeo da sua última campanha, o "Pink Paradise", removido do You Tube. Além disso, a conta da marca no site foi bloqueada por duas semanas.

A Andrew Christian acredita que o canal está sendo preconceituoso. Revoltada, a marca enviou uma carta aberta ao You Tube. "Não há dúvida em nossa mente que não haveria problema se exatamente o mesmo vídeo fosse publicado com modelos femininas, em vez de homens. Vocês estão sendo homofóbicos ou coisa do tipo?", diz a carta.

"Existem milhares de vídeos que têm como alvo o público heterossexual atualmente no YouTube que mostram nudez feminina e cenários sexuais com milhões de visualizações", continua a empresa.

O vídeo, que ainda está disponível para visualização no Vimeo, mostra uma pool party bem abusada. Os modelos usam micro cuecas, que marcam bem seus dotes, enquanto dançam, tomam sorvete e brincam na água. "Nosso vídeo foi criado como uma maneira divertida de apresentar nossa nova linha de underwear", explica a marca.

Ainda na carta, a Andrew Christian indica uma dezena de vídeos com conteúdo heterossexual semelhante ao do "Pink Paradise". Você confere o vídeo da discórdia abaixo.

 


Link 

ÁLBUM DE FOTOS


COMENTÁRIOS
Nome  
E-mail  
Comentário  
Autorizo a publicação do meu comentário no site.
Incluir meu e-mail no mailling do A capa


Guilherme - Para ser sexy,não precisa ser vulgar.A maioria dos homens hetero ou gays tem tabus com o tamanho e desempenho de seus penis.Infelizmente enquanto esses tabus existirem,campanhas como esta que exibem volumes, muitas vezes artificial e fake ainda serão muito ofensivos pois cutucam não só a moral e bons costumes,cutucam tambem os tabus e frustrações do sexo masculino em ambito geral.A vagina é interna, e muito dificil ser marcada com muito volume.desta forma, o apelo sexy tem foco maior nos peitos e bumbum.E como nossa sociedade é machista nós ja podemos mostrar nossos peitos e bumbuns sem constrangimento, mas o penis não podemos pra não ferir os homens mais desfavorecidos...kkkkkkkkklk

deimo - n¡¡o deveria se banido do youtube t¡¡o com inveja dele porque pau dele e mais grande que seu s¡¡ porque teu e pequeno kkkkkkkkkkkkkkkk.

Dinho01 - Parece que Andrew Christian escancarou agora que é uma marca gay.Duvido que algum hétero vá comprar essas cuecas mesmo que goste dos modelos.Quanto ao YouTube,claro que foi preconceito.Bastava colocar um aviso de impróprio para 18 anos.Agora,eu concordo um pouco com o Vampirodoidão.Esse vídeo parece mais um trailler de filme pornô.Para ser sexy,não precisa ser vulgar.

Roberto SP - É uma marca de CUECA pra GAYS! Queriam que aparecesse o quê? Bunda e xana? Quanto moralismo barato. Afff Dá até tristeza de alguns comentários. Deve ter gente das igrejinhas #krents se fazendo passar por biba aqui nos comentários. Por que o que tem demais nos vídeos e nas malas dos meninos? Em propaganda de cerveja na globo dá ver até a racha das minas e ninguém fala nada. Ver gays repetindo discurso moralista é triste. Por isso que os homofóbicos cagam na nossa cabeça e o governo fica do lado deles, os próprios gays tem preconceito contra si mesmo e acham que se bancarem bibas assexuadas serão aceitos.

Daniel Alencar - Adorei esse video muita loucura mahkkk

Ariadna Alvin - Fico achando que é perseguição mesmo!!! Tem tanta, mas tantaaaa coisa ruim que deveria ser banida do Youtube e não é!!!! "/

Ariadna Alvin - Achei maraaaa o vídeo!!! Depois falam que estamos em um mundo moderno e blá blá blá... a verdade é que se fosse liberado a maioria da população andaria com um taco de beisebol pra bater no que consideram errado! Bando de hipócritas!!!! :)

VampiroDoidão - Concordo plenamente com o youtube. Primeiro, total mau gosto em caricaturizar a namorada do cara como uma chata. Então os gays acham as mulheres chatas e por isso vão curtir? No mais, a exclusão está de acordo com as regras do youtube: a câmera só foca o bilau dos caras, dá pra ver glande e uretra. E no mais, o cara só entrou na festa porque era magro? Quanta babaquice! Ou seja, a imagem que a propaganda me passou é que gay é misógino, babaca e só liga para barrigas tanquinhos...

Sérgio Rangel - Não vi nada de ofensivo. Compartilho com a Andrew Christian, que o You Tube está sendo preconceituoso e homofóbico.

dario - pra mim,não vi n ada de ofensivo no video, é simplesmente um comercial de sunga,que aliaz,muito sex.

LBA - Não tenho informações suficientes para discutir a qualidade técnica do vídeo. Gostei dele, achei bem humorado, abusado sem ser ofensivo. É bem específico para gays masculinos, não resta menor dúvida. No entanto, nossos marqueteiros poderiam dele retirar alguma coisa para tornar nossos vídeos sobre esse ítem um pouco mais apimentados.

s.s.a - eu não achei ofensivo,é um video como qualquer outro de propaganda,se fosse de mulheres se esfregando talvez ninguem estaria falando,eu acho uma tremenda demagogia,nas novelas da globo e muito pior o aque acontece,oras bando de desoculpados vão procurar oque fazer.

Antônio Fabrizzio - Bom, se o comercial fosse feito com mulheres, por razões anatômicas óbvias, não haveria o "bounce" quase explícito que aqui se vê... Bem compreensível a polêmica.

penisreceptor - Divertido, adolescente e sexy porém mais "queer guys party" impossivel..,ganhei um jock andrew christian no natal, mas nao imaginava que a marca fosse 1000% fora do armario..

paulo cesar - achei as cuecas bonitas e parecem bem confortáveis, compraria uma dúzia só para mim. parabens gostei mesmo

Lisandro - Eu amei. Eu adorei. Eu me apaixonei. Modelos gostosos e um comercial que deveria ser padrao de marketing. Vai ganhar o Emmy de melhor comercial. Verdade mesmo, eu adorei.

Jason - Eu achei ofensivo. Está muito apelativo e mal intensionado. Não há o que discutir. Este tipo de comercial deve ser do tipo "secreto" só para que nós do público GLS saibamos. Não é cabível que isso seja "livre" para a sociedade (muito precoceituosa) como um simples e excitante comercial. Muito perjorativo.

Kleber - Bonito, mas muito apelativo! As cuecas dispensam comentários, são horrorosas. Não usaria nunca.

SWill - Não gostei. Apesar da ótima qualidade do vídeo achei apelativo. Não é só pq vídeos heteros são apelativos significam que os GLs devem copiar ou se "vingar" dos outros segmentos, se eles erram não é justificativa pra errarmos tbm, vídeos desse tipo deveria ser divulgado apenas em meios de comunicação próprio para o público. siceramente.. me desculpe, mas foi ridículo a parte que a menina foi impedida de entrar na "festinha", desde quando gay é impedido de entrar em festa HT? e se for azar o deles, pois nas baladas gays não são proibidos de entrar, isso mostra o quanto somos inteligente, tolerantes e de raciocínio extendido.

Vicente - Adoro erotismo e pornografia, mas... Nossa! Que video cafona! E que cueca larga que deixa pano sobrando na bunda e as malas ficam dançando. Putz, mas é muito cafona! Se pretendiam fazer um video com toques de erotismo, mamma mia, que gente incompetente. Em vez de ficar de pau duro dei é muita risada. E que festinha sem graça. A senha de entrada (mostrar a barriga sarada) foi simplesmente podre! Horrível!

Washington - Sinceramente? Independente de serem heteros, homos ou bis, acho os homens europeus, norte-americanos e asiáticos (japoneses, coreanos e chineses) muito afeminados. Esses caras do vídeo então... Parecem frangos depenados. Para mim, o lugar que tem homens bonitos e masculinos é o Oriente Médio e Norte da África. Sou chegado em árabes, turcos, armênios, judeus mizrahim e persas. **rs**. O Irã, fala sério! Ô país que tem homem bonito. O Paquistão também! Tirando o fundamentalismo religioso da região, aquelas bandas de lá tinham tudo para ser um pólo exportador de homem!

Linda Emanuély - Ta parecendo as festinhas nojentas da The Week dadas de domingo a tarde com aquele bando de bicha barbie querendo mostrar algo que nem em sonhos ela tem, a saber, TESTOSTERONA - é por isso que prefiro meu pedreiro feio, carranca faltando dente, tem corpão, tem rolão e não minha atrás de mim. Que horror! GAY EMANUÉLY - SEMPRE GAY EMANUÉLY!

deivid - olha... eu como gay, sou discreto e assumido tento mostrar pras pessoas que sou uma pessoa normal, TODOS me respeitam por isso, conversam comigo me tratam super bem... agora vem um video mostrando putaria e "suruba" gays pelados e se afrescalhando e acaba com esse "trabalho" de mostrar pro mundo que somos pessoas normais... Pro brasil gays significam: aids, putaria, homens pelados, e sexo grupal... e com um video desses não ajuda nada !

Alexandre - Ao analisar o vídeo e a decisão do You Tube podemos nos posicionar de duas maneiras: uma que diz respeito a qualidade do vídeo, outra que diz respeito a atitude do You Tube. Primeiro podemos dizer que o vídeo é apelativo, ok, mas isso justifica ter sido censurado ? - Há tanto vídeo apelativo no You Tube voltado ao público hetero !

DANIEL - NADA COMPARADO COM AS DANCAS CAFONAS E APELATIVAS DO BRASIL POR EXEMPLO AS DANCAS DAS MULHERES FRUTAS RSRSRS, AGORA QUE O COMERCIAL E DE UM TREMENDO MAU GOSTO ISSO NAO TEM O QUE DISCUTIR NADA A VER, AGORA SOBRE APELACAO QUER PIOR QUE AS DANCAS DO FUNK ISSO SIM E APELATIVO RSRSRS

Grazianne - Ofensivo não porquê é um produto direcionado para o público Gay, então uma propaganda assim pode-se dizer que é até normal em vista que em propagandas de underwear para o público Hétero também se usam modelos sarados. Achei apelativo demais, beirando a vulgaridade em vista das cenas dando closes nos dotes dos modelos. Fora que todo o contexto do comercial é brega... Uma coisa curiosa, porquê nesse e em outros comerciais de underwear dessas grifes estrangeiras, os membros dos modelos estão sempre voltados para baixo? Não entendo, visto que de lado chama muito mais a atenção... rsrsrs

douguas - Completamente inverossímel, FAKE demais!!!!!! Além de ser mal dirigido, grotesco e de um profundo mau gosto!!!!! A cena das bibas saindo da piscina no meio dos balões, aff ,,,,é de uma cafonice que chega a doer!!!! Quem vae gostar de um vídeo ridículo como este????

fABICO - Eu achei bastante apelativo. Mesmo porque o tipo de vestimenta dos rapazes deixa bem aparente o formato do órgão sexual masculino, que é constantemente oferecido à câmera, pelos modelos. Acho que na mídia heterossexual, mesmo que exista bastante apelação, não chega a ser oferecimento explícito de sexo, pelo menos, não vejo mulheres seminuas oferecendo suas vaginas nos comerciais de tv. E olha que eu já acho que as mulheres já estão sendo exploradas de maneira bastante exagerada na mídia, entrando na vulgaridade, mas ainda um pouco menos explícita do que nesse comercial das cuecas... Acredito, então, que esse vídeo deveria ser direcionado para sites especializados a um público que esteja preparado para essa "modernidade".

Ivan - Ah é ofensivo sim, ofensivo ao bom gosto e ao bom senso na questao de produçao que porcaria... ruim demais pior que comercial de sandalinha da barbie da decada de 90/90 afff

Valter - Quer saber ?Eu acho o video apelativo, ruim, e pouco sensual.Tudo o que um video promocional de um produto como underwear não poderia ser. E se fosse de calcinha , idem.

paulo - Apelacao ultrapassada...

Rodrigo - Dagoberto, obrigado pelo comentário, voce é vida inteligente... parabéns.

Luciano - O Youtube censura até vídeos com beijos gays. O Youtube é homofóbico.

thomas - Achei divertido e brega. Com apelo sexual dentro de um conceito cômico... mas não vejo grandes problemas no vídeo sendo claro que o mesmo é PARA ADULTOS!

senna vitupera - Bem sensual e alguns flertes (apenas flertes) com a pornografia. Parece também uma homenagem às nossas indispensáveis fag hags.

Dagoberto Domingos Teodoro - Não é ofensivo. Pode-se dizer apelativo. Na nossa sociedade de consumo, a sexualidade virou mercadoria: corpos sarados, uma festa com música frenética. A ilusão é que pra ser feliz todo o gay usado a cueca da tal marca vai ter uma vida sexual e afetiva prazerosa. Usaram a mesma estratégia que usaram com o comercial da Gisele há poucos meses. Ou seja, sexismo, mas direcionado ao publico gay.

Renard - Mais bichesco e brega, impossível!...kkkkkkkkkkkkkk.